Sinais no mundo moral da volta de Cristo

"Os males deste mundo não são simplesmente consequência de fenômenos naturais. As pessoas desempenham papel importante neles. No sermão que proferiu no Monte das Oliveiras, Jesus anunciou a degradação moral da raça humana, comparando o tempo do fim com a situação anterior ao dilúvio (Mt 24:37-39), quando "a maldade do homem se havia multiplicado na Terra" (Gn 6:5). Também comparou o tempo do fim com o estado de Sodoma antes de ser destruída (Lc 17:28-30). Paulo descreve em detalhes a corrupção moral do mundo no tempo do fim (2Tm 3:1-5). Estatísticas sobre a grande quantidade de crimes confirmam Suas predições.
Jesus utilizou duas palavras-chave para descrever a condição moral do mundo às vésperas de Sua segunda vinda. Disse que "por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos" (Mt 24:12). "Iniquidade" vem do grego anomia, que se refere mais especificamente à ausência de lei, à recusa de reconhecer a autoridade de qualquer lei e, portanto, de viver uma vida orientada somente pelos próprios desejos e paixões. É dessa ilegalidade que emanam todos os desvios em matéria de sexualidade, alimentação, entretenimento e lazer, que as pessoas modernas praticam em nome da liberdade. Em contrapartida, o Apocalipse elogia aqueles que no tempo do fim "guardam os mandamentos de Deus" (Ap 12:17; 14:12).
O segundo termo usado por Jesus em Mateus 24:12 é agape, "amor". Paulo dá a essas palavras uma definição ampliada em 1 Coríntios 13. Agape preside as relações interpessoais. Sua ausência resulta em conflitos familiares, como o divórcio, conflitos entre as nações (Mt 24:7), rupturas sociais por meio da exploração, revoluções e greves, bem como a perda de respeito pelos seres humanos (10:21). A falta de amor pode assumir firmas criminosas, tais como estupro, homicídio, roubo ou uso de drogas, mas também leva a diferentes formas de exploração mútua entre os seres humanos ( ver Tg 5:1-6; T2, 252; FEC,1010."

Tratado de Teologia ASD,p. 1002-1003,CPB.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livros de Ellen White em PDF - Download

Colossenses 2:13-14 - Explicação